O avarento chama pródigo ao liberal; o covarde temerário ao valente; o distraído hipócrita ao modesto; e cada um condena o que não tem, por não confessar o que lhe falta.

"O avarento chama pródigo ao liberal; o covarde temerário ao valente; o distraído hipócrita ao modesto; e cada um condena o que não tem, por não confessar o que lhe falta." -  António Vieira

Quando julgamos os outros, condenamo-nos a nós.

"Quando julgamos os outros, condenamo-nos a nós." -  António Vieira

Não devemos condenar os amigos pela informação dos inimigos.

"Não devemos condenar os amigos pela informação dos inimigos." -  António Vieira

Pelo que fizeram, se hão-de condenar muitos, pelo que não fizeram, todos.

"Pelo que fizeram, se hão-de condenar muitos, pelo que não fizeram, todos." -  António Vieira

Não só vos condenam os homens pelo que vós nunca imaginastes, mas condenam-vos pelo que nem eles imaginam de vós.

"Não só vos condenam os homens pelo que vós nunca imaginastes, mas condenam-vos pelo que nem eles imaginam de vós." -  António Vieira