Alguns nascem póstumos (...) Eu estaria em completa contradição comigo mesmo se já esperasse hoje encontrar ouvidos e «mãos» prontos para as «minhas» verdades; que hoje não se ouça nada de mim, que hoje não se saiba tirar nada de mim, isto não é apenas compreensível, mas parece-me até mesmo normal.

"Alguns nascem póstumos (...) Eu estaria em completa contradição comigo mesmo se já esperasse hoje encontrar ouvidos e «mãos» prontos para as «minhas» verdades; que hoje não se ouça nada de mim, que hoje não se saiba tirar nada de mim, isto não é apenas compreensível, mas parece-me até mesmo normal." -  Friedrich Nietzsche

Ao planearmos para a posteridade, deveríamos lembrar-nos de que a virtude não é hereditária.

"Ao planearmos para a posteridade, deveríamos lembrar-nos de que a virtude não é hereditária." -  Thomas Paine

Os netos colherão os frutos das tuas árvores.

"Os netos colherão os frutos das tuas árvores." - Virgílio

Porque é que eu haveria de me preocupar com a posteridade? O que é que a posteridade alguma vez fez por mim?

"Porque é que eu haveria de me preocupar com a posteridade? O que é que a posteridade alguma vez fez por mim?" -  Groucho Marx

Os homens póstumos - eu, por exemplo - são pior compreendidos que os do seu tempo, mas são melhor «ouvidos». Dito com mais rigor: nunca somos compreendidos - e «daí» vem a nossa autoridade...

"Os homens póstumos - eu, por exemplo - são pior compreendidos que os do seu tempo, mas são melhor «ouvidos». Dito com mais rigor: nunca somos compreendidos - e «daí» vem a nossa autoridade..." -  Friedrich Nietzsche

Há quem pense que não devemos fazer nada pela posteridade, porque ela nada pode fazer por nós.

"Há quem pense que não devemos fazer nada pela posteridade, porque ela nada pode fazer por nós." -  Noel Clarasó

Uma espécie de anteneurose do que serei quando já não for gela-me o corpo e alma. Uma como que lembrança da minha morte futura arrepia-me dentro.

"Uma espécie de anteneurose do que serei quando já não for gela-me o corpo e alma. Uma como que lembrança da minha morte futura arrepia-me dentro." -  Fernando Pessoa

A posteridade é um colegial condenado a decorar cem versos. Chega a aprender dez de cor, balbucia algumas sílabas do resto: os dez, são a glória; o resto, a história literária.

"A posteridade é um colegial condenado a decorar cem versos. Chega a aprender dez de cor, balbucia algumas sílabas do resto: os dez, são a glória; o resto, a história literária." -  Rémy Gourmont